Pesquisa e Extensão

Pesquisa

A pesquisa na FAR é fomentada em três momentos fundamentais: a iniciação, a produção e a publicação científica.

O entendimento de que a educação superior tem por base a produção e não apenas a reprodução de saberes orienta o espírito acadêmico da FAR. Temos como objetivo formar estudantes críticos e sensíveis à realidade onde estão inseridos, capazes de pensar e criar soluções para as problemáticas contemporâneas. Neste sentido, temos atuado a partir da soma de esforços, na busca constante de aperfeiçoamento dos processos de produção das pesquisas que culminam em Trabalhos de Conclusão de Curso da Graduação e Pós Graduação, momento ápice da criação dos nossos estudantes.

Iniciação Científica 

Extensão

Da mesma forma que as atividades de pesquisa, o trabalho desenvolvido na Extensão é orientado pela perspectiva do diálogo comprometido com a intervenção na realidade social. Assim, a FAR organiza ações em programas, projetos e atividades de extensão. Como programa de extensão temos o Qualidade de Vida Acadêmica – QVA.

Entendendo a extensão como este espaço de rompimento dos muros da Faculdade e interação necessária com a sociedade, identificando as problemáticas e desenvolvendo formas de intervenção, contamos com diversos projetos de extensão. Dentre eles podemos citar: “Rodada de Empreendedorismo”, “Café com Sophia”, “Responsabilidade Social”, “Mediação de Conflitos”, “Para alem dos muros acadêmicos”, “Cine Dom” e “Administração – teoria e prática”. Para além dessas atividades, temos também a oferta de cursos de extensão, palestras e mini cursos a respeito de temáticas atuais e necessárias para uma formação educacional e profissional de qualidade.

Programa QVA

Coordenação: Profa. Ma. Andreia Marreiro Barbosa

O Programa Qualidade de Vida Acadêmica (QVA) surgiu em 2012 com o objetivo de despertar e aperfeiçoar os talentos das pessoas que compõem o corpo docente, discente e técnico-administrativo da Faculdade, proporcionando assim uma melhoria na qualidade de suas vidas.
Entretanto, o programa foi além.

Hoje a FAR é ocupada aos sábados à tarde por pessoas de vários bairros de Teresina.  São mulheres, homens, jovens, adultos, idosas, adolescentes, pessoas com necessidades especiais, que encontram nesse programa um espaço para o desenvolvimento de novas habilidades.

O QVA é mais uma das janelas e portas que rompem com os muros da FAR e dialoga com a sociedade, ofertando gratuitamente um serviço voltado para as artes, fomentando a cultura e provocando uma interação social.

A equipe do QVA é composta pelos seguintes professores:

  • Teatro – Prof. Arimateia Bispo
  • Esporte – Prof. José Luiz

 

Se você quer qualidade de vida apareça todos os sábados na FAR. As atividades não têm custo algum para os participantes.

Rodada de Empreendedorismo

Coordenação: Prof. Especialista Francisco Trindade.

A Rodada de Empreendedorismo é um projeto de extensão que nasce da disciplina de Empreendedorismo da grade curricular do curso de Administração. Devido à expansão das atividades desenvolvidas durante o processo educativo, relacionando de modo efetivo a teoria com a prática na construção de empresas, a Rodada ultrapassou as fronteiras da sala de aula, tornando-se um projeto que atrai para dentro da Faculdade a comunidade teresinense e empresários que acreditam nesse formato de formação autônoma, dialógica e interativa.

É um projeto desenvolvido eminentemente pelos estudantes, sob a orientação do professor Francisco Trindade com a interface dos demais profissionais da Faculdade, tendo como característica a interdisciplinaridade.

Diante das exigências cada vez maiores do mercado por um profissional com características intraempreendedoras, a Rodada apresenta na prática a criação, o planejamento e o desenvolvimento de uma ideia de negócio, passando por todo o processo administrativo, do planejamento ao controle, proporcionando a realização de um sonho, transformando ideias em oportunidades de negócios.

O projeto teve início em 2007. Desde 2013, professores e estudantes decidiram trabalhar através de temáticas importantes do contexto sócio-político-econômico-cultural da sociedade. Nas últimas duas edições, tivemos como temas: “Cinema: o desafio em empreender entre a ficção e a realidade” e “Redes Sociais: empreendendo com tecnologia”. Uma novidade também das últimas duas edições foi a articulação de atividades junto com o curso de Serviço Social, com a oferta de palestras e mini cursos.

A Rodada de Empreendedorismo faz parte do calendário oficial da Faculdade Adelmar Rosado, acontecendo durante cinco dias, no final de cada semestre. O projeto é considerado um espaço importante para o desenvolvimento intelectual na formação dos estudantes da Faculdade, promovendo seu crescimento e maturidade e unindo teoria e prática.

Mediação de Conflitos

Coordenação: Profa. Especialista Valéria Araújo

O objetivo do Projeto Mediação de Conflitos é capacitar os estudantes de Serviço Social para atuarem e refletirem sobre a mediação de conflitos como ferramenta de intervenção social. O Projeto acontece em parceria com o Núcleo de Mediação de Conflitos do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ – PI).

Cine Dom

Coordenação: Profa. Especialista Mayra Veloso

O Cine Dom aconteceu em parceria com o Centro de Referência em Direitos Humanos “Dom Helder Câmara”. O objetivo é promover a educação em direitos humanos através da linguagem cinematográfica. Foram realizadas exibições e discussões, nas instalações da Faculdade.

O público-alvo são estudantes, professores, funcionários e comunidade em geral.

Para além dos muros acadêmicos

Coordenação: Profa. Ma. Cristina Araújo

Para além dos muros acadêmicos é um projeto orientado pela Profa. Cristina Araújo e desenvolvido juntamente com os estudantes do primeiro período do curso de Serviço Social. Esta proposta, com prática de pesquisa de campo e realização de diagnóstico justifica-se por permitir ao corpo discente de Serviço Social, a imersão no diagnóstico empírico, o exercício de desenvolvimento da observação e reflexão da realidade social, tendo em vista o aprimoramento de sua formação como profissional e futuros pesquisadores em Serviço Social.

Durante o primeiro semestre de 2015, foi realizada uma proposta de intervenção na Unidade Escolar Moacir Madeira Campos, em Teresina/Piauí. A totalidade dessa proposta compreende três etapas:

1ª. etapa) Diagnóstico socio-educacional.

2ª. Etapa) Pesquisa-ação: ações de intervenção dos discentes, sob a supervisão da Professora  Cristina Cunha de Araújo.

3ª. Etapa) Culminância do projeto: apresentação dos resultados da pesquisa-ação, realizada no dia 05 de junho de 2015, na Unidade Escolar Moacir Madeira Campos, abordando os temas “gravidez na adolescência”, “combate e uso de drogas”, “violência doméstica e violência contra a criança”.

O projeto possibilita aos alunos a oportunidade de aproximação com a comunidade, o processo de análise e apreensão da dinâmica social, cultural e espacial, importante para a formação acadêmica, uma vez que promove a concretização de ações com sucesso e aprendizado coletivo.

 

Responsabilidade Social

Coordenação: Profa. Especialista Luzia Barbosa e Profa. Keila Reis.

A FAR vem desenvolvendo no decorrer de sua história ações de responsabilidade social em comunidades carentes de recursos materiais. Em 2013, todavia, iniciou o Projeto de Responsabilidade Social na comunidade São Vicente de Baixo, na zona rural de Teresina/PI. Trata-se de um trabalho que desenvolve atividades de fortalecimento dos laços familiares, envolvendo principalmente, as crianças e as mulheres. Democratiza atividades informativas sobre as políticas públicas, oferece cursos de trabalhos manuais, suporte para o trabalho com horta comunitária, levando conhecimento de manejo do solo e produção de hortaliças.

O desenvolvimento do projeto é realizado de forma horizontal e coletiva entre a comunidade acadêmica e os moradores da localidade São Vicente de Baixo. A programação e tomada de decisões das ações visa a participação dos atores sociais em todas etapas do trabalho, visando a formação de competências, mudanças de atitudes e procedimentos.

A proposta do projeto não busca apenas a tomada de consciência e a vontade de mudar, mas ela se efetiva quando provoca, de fato, mudanças de comportamento social em busca de seus direitos nas áreas sociais como: geração de trabalho e renda, saúde, educação, assistência social e lazer. As ações terão como foco as metodologias das áreas temáticas: Comunicação, Cultura, Direitos Humanos, Justiça, Educação, Meio Ambiente, Saúde, Tecnologia, Trabalho e Geração de Renda.